Quinta-feira, 5 de Fevereiro de 2004

Só...

Sinto-me mal. Olho em volta e não vejo ninguém. Isso dói. Muito. Saber que ninguém se preocupa, saber que podia morrer hoje, que daqui a um ano estaria completamente esquecido pela maioria dos meus "amigos".E é nestes momentos mais dificeis que os verdadeiros amigos aparecem... E é nestes momentos que me vejo só... Quando os outros têm alguém para os confortar, lá estou eu. Sozinho, no meu canto escuro...Será que alguém se preocupa se eu estou bem ou se me apetece encher a cabeça de chumbo? Será que existirá alguém que me veja mais do que um instrumento? Mais do que alguém que dá jeito conhecer, nunca se sabe quando o computador vai avariar...Não... Porque pergunto coisas se sei a resposta? Sou completamente insignificante, ninguém realmente se preocupa comigo... Ninguém me irá limpar as lágrimas que me continuam a cair, ninguém irá dizer que está tudo bem... Porque, realmente, ninguém se preocupa por mim... Bem podia desaparecer que ninguém notava a minha falta...Ninguém... Sozinho como sempre... Agora esta solidão dói, porque já soube o que era ter alguém...Mas tenho que me conformar... Quando todos estão juntos, eu permaneço aqui, no meu canto escuro e frio... Este canto assustador onde ninguém me vê... Este canto longíquo onde posso chorar à vontade que ninguém me vai ouvir... Este canto onde até eu me esqueci de mim...No entanto queria agradacer a quem tem ouvido todos os meus choros, a quem se tem preocupado por saber como realmente estava... Se não fosse ela, a esta hora o desespero já me tinha morto... Obrigado, estou-te eternamente agradecido...Queria também deixar uma mensagem para alguém... Não te culpes, isto é apenas a minha miserável vida... Dá-me algum tempo, estes momentos são dificeis... Apesar de tudo, gostava que continuassemos amigos...Comentem por favor... Este blog não tem muito sucesso, preciso de saber se alguém lê isto... Senão apago este cano de esgoto directamente ligado ao meu cérebro, para deixar a blogosfera do sapo um pouco mais limpa...
publicado por zaitz3v às 19:07
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De nightwitx a 9 de Fevereiro de 2004 às 21:11
A maior dor é saber como é ser feliz quando estamos aqui sozinhos nos nossos cantos anónimos.
Eu tenho notado que todos os que me acompanharam estão demasiado ocupados com as suas vidas para saber de mim. Por isso faço tuas as minhas palavras - se eu desaparecer não muda mesmo nada porque não faço falta a ninguém. Rigorosamente.


De SkyS a 9 de Fevereiro de 2004 às 00:20
... Só tenho pena de não saber personalizar Blogs tão Interessantes como os vários "Blogs" de inspiração Gótica q há por aki. Senão faria o meu Blog Não Negro. Não Rosa. Mas em Tons de Cinza... A cor das Trevas É o Cinza... ESCURO!!


De SkyS a 9 de Fevereiro de 2004 às 00:18
Sejas tu quem fores... Estás na FOSSA, mas não és o Único. E o dia de amanhã será sempre melhor q o de Hoje... Mas continua. Pois Blogs como este, Como merdas Góticas, ou Sollicitus Succubus fazem-nos SENTIR o outro lado da Vida... Não são só akelas Merdas Rosa q alguns líricos pintam por aí...


De 69eyeliner a 5 de Fevereiro de 2004 às 20:30
Eu hei-de tar sp aqui para ti... o mundo abandonou-te? odeia-te? ignora-te? Eu não... Eu adoro-te... Eu quero-te feliz... Eu exijo-te feliz...

Eu não te quero limpar as lágrimas, eu não quero é que elas sequer caiam... toda a dor que tu sentes eu sinto em dobro, mas tu sabes do k eu tou a falar!

Tu não tás só... se calhar estavas, mas apartir do momento em que cruzaste comigo, a palavra "solidão" na tua vida não vai ter significado... não vai haver dicionario que abras e esteja lá escrita, não vai haver livro que leias que esteja marcada em tinta tais letras... não vai haver dia que passes que eu te deixe cair em solidão... tens é de dar espaço para eu cuidar de ti à minha maneira... Deixas?


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2004

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. A continuação...

. Perdido...

. Outro dia em baixo...

. Ontem...

. Um sorriso...

. Os sonhos...

. O meu caminho

. Porque o último adeus é s...

. O meu mundo

. Voltei!

.arquivos

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

blogs SAPO

.subscrever feeds